O QUE EXATAMENTE VOCÊ DEVE FAZER COM A PIZZA?

15.09.2020

 

As pessoas bem sucedidas vivem em um estado de abundância, e as que NÃO são bem sucedidas, vivem em estados emocionais de limitações.

 

Mesmo vivendo no mesmo mundo a diferenças está nos seus pontos de vistas e o entendimento das coisas e na forma como pensam e tem a concepção das coisas.  E é isso que faz toda a diferença.

 

Infelizmente a maioria das pessoas nasceu e cresceram e foram educadas dentro de um contexto cultural de escassez. E assim, esses indivíduos cultivam conceitos baseados na escassez e não sabem pensar de forma diferente, pois, o pensar pequeno está enraizado na personalidade.

 

E agora para reprogramar o que foi incutido na formação da personalidade lá na infância no processo de formação não é tão simples assim, pois as programações acontecem na mente consciente e as reprogramações acontecem em outra dimensão “Na Mente Inconsciente”.

 

Para que a transformação aconteça a nível universal é um trabalho de reconstrução intenso que poder levar muito tempo para que a humanidade crie um volume de massa energética que sirva de norte para que as mudanças aconteçam...

 

O que acontece é que a maioria das pessoas deixa se guiar por uma ideia que expressa motivação como “Nunca se têm o bastante”, e “Não se pode ter tudo”, o que não é verdade, eu acredito que nós podemos ter tudo e que somos capazes de possuir tudo o que realmente queremos, só precisamos acreditar e correr atrás.

 

Você pode comer a pizza e ter a pizza; o segredo da mente próspera. O que exatamente você deve fazer com a pizza?

 

- Vamos fazer uma analogia!

 

- Você deseja intensamente ter uma profissão de sucesso ou ter mais tempo para ficar com a família? 

 

- Você almeja correr o tempo todo atrás de recursos financeiros ou dedica-se um tempo para seus Hobbies?

 

- Você pretende acumular fortunas ou uma vida compreensível em paz e equilibrada?

 

- Você deseja enriquecer ou cumprir o seu designo?

 

Você se dedica a espiritualidade ou acredita que é capaz de produzir em si, uma mudança de pensamento, atitudes e conceitos, que te coloca em um novo rumo e te oferece um novo sentido para a vida?

 

Você almeja a felicidade ou a segurança e o bem-estar?

 

 

 

As pessoas de mentalidade próspera cultivam ambos. As pessoas de mentalidade pobre escolhem uma coisa ou outra.

 

As de mentalidade próspera olham com uma facilidade fora do quadrado e se valem da criatividade para imaginar uma forma de ter acesso aos dois mundos simultaneamente, ao mesmo tempo.

 

A culpa não é nossa é do sistema mundial cultural que estamos inseridos, que nos retalhou e ainda está retalhando. Quando aprendemos a questionar as situações podemos mudar a nossa vida.

 

A partir de hoje quando você se deparar com uma situação que te remete a um “Ou”, “Ou”, logo se pergunte como posso ter às duas coisas. Este questionamento nos livra do modelo de escassez e das limitações e em troca recebemos do universo, abundância e infinitas possibilidades.

 

Essa consciência se aplica em todas as dimensões da nossa vida e não apenas nas coisas que desejamos. Por exemplo:  Com a intenção de ter as duas coisas.  Sempre almejei morar na Avenida da Cidade e ter meu negócio próprio e um dia um tio nosso disse – “que eu deveria sair do salto e que meu lugar era num bairro e não no centro da cidade e estou a 20 anos morando na avenida” e com o nosso negócio próprio.

 

Outra situação idêntica que me aconteceu - Sempre disse ao meu marido que não pretendia me tornar escrava de um trabalho que eu não apreciasse e que encontraria a minha liberdade fazendo aquilo que amava.

 

Um vizinho nosso dizia: - que eu deveria fazer aquilo que meus pais me ensinaram a fazer. Que era trabalhar na lavoura no cabo de enxada, “meus pais pequenos agricultores”, entre fazer o que não gosto de fazer ou dar ouvidos aos que os outros pensam que deveria fazer ou fazer o que me desse prazer e alegria de viver eu fiz, às minhas escolhas, não as escolhas que as outras pessoas pensam que eu deveríamos fazer.

 

Lembro-me perfeitamente de dizer a mim mesma lá na infância que: “Eu faria de tudo para evoluir e crescer na vida e fazer o que me traz prazer e alegria de viver”. Não aceitei os conselhos do vizinho. Acreditava em conseguir e ser merecedora de tudo. “merecemos as duas coisas”.

 

 Foi muito difícil. Às vezes era obrigada a ficar trabalhando em um trabalho que detestava para poder usar de suporte, mas nunca abri mão da intenção de alcançar os meus objetivos. Foram muitos empreendimentos enfrentados e que não me realizavam por completo.

 

 Agora estou dentro do meu designo realizando o que mais gosto de fazer. Isso é possível, continuo em busca somente de trabalhos e projetos que me dão prazer. E como eu aprendi que podemos ter as duas coisas, agora estou ensinando a outras pessoas a fazerem o mesmo.

 

Você pode comer a pizza e ter a pizza: o segredo da mente prospera. O que exatamente você deve fazer com a pizza?

 

 

 

Em todas as áreas da nossa vida é importante saber que podemos mais do que nós estamos tendo, mas na área das finanças o pensamento de que podemos ter as duas coisas é mais importante, pois tudo é movido pelo dinheiro e através dele temos acesso à maioria das coisas.

 

As pessoas de mentalidade pobre acreditam que devem escolher entre a riqueza e os demais aspectos da vida, pois isso racionaliza a posição de que o dinheiro não é tão importante assim.

 

Isso não é verdade! O dinheiro é importantíssimo na vida das pessoas, afinal é ele que move todos os negócios e todos os trabalhos. O dinheiro é a moeda de troca do nosso trabalho, da nossa energia empreendida em algo ou a alguém.

 

 Acreditar que o dinheiro não é importante neste universo chega a ser um absurdo... Veja só o que está acontecendo neste momento no nosso país, com o dinheiro do auxilio emergencial da crise da pandemia do Corona Vírus (Covid 19). É uma grande demonstração do quanto o dinheiro é importante, filas quilométricas nas portas dos bancos em busca do benefício.

 

Vamos fazer uma comparação para entender. O que é mais importante em nossa vida - à comida ou a água? As duas coisas, é claro.

 

O dinheiro é o combustível. Ele nos permite viajar pela vida, em vez de minguar por ela. O dinheiro nos proporciona segurança e liberdade. Para comprar o que desejar e fazer o que quiser fazer com seu próprio tempo.

Com o dinheiro temos o acesso ao que tem de melhor e também a oportunidade de ajudar as pessoas queridas que amamos, para que elas também, possam satisfazer as suas necessidades básicas.

 

 

A falta de dinheiro é a causa da maioria das desgraças que presenciamos no mundo.  Ser milionário ou ser bem sucedido na vida elimina a preocupações, estresse, ansiedade e insegurança e tantos outros sofrimentos.

 

A felicidade também é importante. E é neste ponto que as pessoas que pensam pequeno se confundem. Muitas pessoas acreditam que dinheiro e felicidade não andam junto, que um elimina o outro.  Ou se é rico ou se é feliz. Acreditam que dinheiro não traz felicidades. O que não é verdade.

 

Isso são programações e crenças formadas lá na infância devido os pais terem passado por dificuldades financeiras. São programações de quem pensa pequeno. Uma pessoa que é rica, em todos os sentidos dessa palavra entende que as duas coisas são indispensáveis para se ter uma vida boa e digna.

 

 De mesma forma como precisamos comida e água, necessitamos de dinheiro e felicidades. Você pode comer a pizza e ter a pizza!

 

Veja que interessante como o pensamento influenciam no princípio da riqueza; as pessoas bem sucedidas acreditam que se pode comer a pizza e ter a pizza. Que se podem ter as duas coisas.

 

 A pessoa que tem o pensamento de classe média acredita que a pizza engorda e não é saudável, por isso, só se deve comer uma fatia.

As pessoas de mentalidade pobre, por acreditarem que não merecem pizza, podem um bolinho de queijo, se concentram na escassez e se perguntam por que elas não têm “nada”.

 

Vamos lá! Vamos entender para que serve ter a pizza se você não pode comê-la?  O que exatamente deve fazer com ela? Coloca-la numa mesa e ficar olhando?  Pizza serve para ser comido e saboreada.

 

A maneira de pensar “ou uma coisa ou outra” também ilude as pessoas que acreditam na seguinte ideia: “Para eu ter mais, alguém tem que perder ou ter menos”. Lei do encano, ninguém nos mostrou como o dinheiro circula.

 

 

E este conceito sobre o dinheiro não passa de uma programação baseada no medo. Á noção de que os ricos se apropriam de todo dinheiro desde mundo e por isso não sobra para ninguém mais. É absurda!  Isso nos pressupõe de uma crença que a quantidade de dinheiro existente é limitada.

 

O que necessitamos entender que o mesmo dinheiro pode ser usado indefinidamente para criar valor para todas as pessoas.

Por exemplo:  vou e compro dois pés de alface do quitandeiro, por cinco reais. 

Agora eu tenho dois pés de alface e o quitandeiro tem cinco reais.

O quitandeiro vai ao supermercado e compre um litro de óleo.

O supermercado vai ao atacado e usa os mesmos cinco reais e compra 3 kg de sal. E o atacadista vai à indústria com o mesmo cinco reais e compre 2 kg de açúcar. 

 

 

 

- Espero que você tenha entendido e captado a imagem e a mensagem de como o dinheiro funciona e produz valores.

 

Os mesmos cinco reais foram usados para levar valor a cada pessoa que possuiu algo de valor.

 

Aquela nota de cinco reais passou por cinco indivíduos e criou cinco reais em valor para cada um deles e um total de R$ 25,00 em valor para o grupo. Portanto, os cinco reais, além de não terem se esgotado circularam e criaram valores para todos.

 

Qual a lição que devemos aprender?   

 

O dinheiro não se esgota – a mesma nota pode ser usada anos e anos e por Miles de pessoas. - Quanto mais rica é a pessoa mais dinheiro ele pode colocar em circulação, permitindo que outras pessoas tenham mais dinheiro para trocar por valor.

 

Isso é exatamente o contrário o que prega o pensamento baseado em “ou uma coisa ou a outra”. Quando uma pessoa possui dinheiro e o usa, tanta ela quanto à outra pessoa com que aquela quantia foi gasta têm ambos, o valor.

 

Para ser direto; se você está tão preocupado com as outras pessoas e quer se assegurar de que elas tenham a sua parte (como se existisse uma parte) faça o que puder para enriquecer e espalhar mais dinheiro por aí, assim estará ajudando a humanidade.

 

Eu te desafio a se livrar do mito de que o dinheiro é mau e de que você deixará de ser tão “Bom”, ou tão “puro”, se enriquecer.  Essa crença é uma grande besteira e se você continuar a aceita-la ficará empacada num importante aspecto de sua vida que é ser bondoso.

 

Ser bondoso, generoso e afetuoso não tem nada a ver com a quantidade de notas que há na sua conta bancaria - essas qualidades vêm do que existe no seu coração. Ser puro e espiritualizado não tem relação com a sua conta bancaria – esses atributos se originam do que está na sua alma.

 

Acreditar que o dinheiro tem o poder de torna-lo bom ou mau não passa de um modo de pensar “Ou uma coisa ou outra”. Puro lixo programado que não ajuda em nada a sua felicidade e o seu sucesso.

 

Essa ideia também não tem a menor utilidade para as pessoas ao seu redor, especialmente para as crianças.

 

Se você faz absoluta questão de ser uma boa pessoa, seja bom o suficiente para não infectar a geração seguinte com a crença equivocada que possa ter adotado sem querer sobre os benefícios e das desvantagens de ter dinheiro.

 

Caso deseja de fato viver uma vida sem limites, deixe de lado o modo de pensar excludente e mantenha a intenção de ter as duas coisas.

 

 VAMOS FAZER UMA DECLARAÇÃO

 

Eu sempre penso; “Posso ter as duas coisas”.

 “Eu tenho uma mente Milionária”.

 

 

AÇÕES DA MENTE MILIONÁRIA.

 

 

 

1 - “Pratique pensar em ter às duas coisas”, e crie a maneira de conseguir isso. Sempre que encontrar diante de duas alternativas, pergunte-se; por que não posso ter ambo?

 

2 - Conscientize-se de que dinheiro em circulação acrescenta valor à vida de todas as pessoas.  Sempre que você gastar dinheiro, diga a si mesma; “Este dinheiro passará por centenas de indivíduos e criará valor para eles”.

 

3 – Pense em si próprio como um exemplo para os outros – mostrando que é possível ser bondoso generoso, afetuosos e rico. 

Fonte: Os Segredos as Mente milionária /T.Harv Eker; 2006.

 

Alice Follmann

 

Please reload

Profissional de Terapia Holística, Parapsicóloga Alice Follmann

Sou palestrante, parapsicóloga...

Sobre Alice Follmann
Receba atualizações

Você receberá um e-mail para confirmação!

Posts Destacados

COMPREENDA OS 4 ELEMENTOS DA MUDANÇA COM INTENÇÃO DE REPROGRAMAR PARA O PROPÓSITO DE PROSPERIDADE: - O que você escutava quando criança?

25.09.2020

1/3
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Siga
  • Facebook Black Round
  • Twitter Black Round
  • YouTube - Black Circle
Procure pelos Tags
Please reload

EbooK Gratuito Em busca da vida 4 Passos para superar a Depressão

© 2015 criado com Wix.com

Rua Marechal Castelo Branco, 98 - Missal /PR 

 

Todos os direitos reservados à Alice Follman - O Estudo da Mente