COMPREENDA OS 4 ELEMENTOS DA MUDANÇA COM INTENÇÃO DE REPROGRAMAR PARA O PROPÓSITO DE PROSPERIDADE: -

Quando a gente entende como são as nossas programações mentais entendemos porque não prosperamos na vida...


- Como são as suas programações mentais? Observando o seu padrão de dinheiro e de sua prosperidade e das suas conquistas na vida. Temos que entender essas programações!


Todos nós temos um propósito de dinheiro e de conquistas registrado, “gravado” na nossa mente inconsciente. É essa ideia, este molde, ou padrão que temos na nossa mente sobre dinheiro, que é superior a todas as outras coisas que envolvem a nossa vida que determina o nosso futuro. - Se o nosso futuro é abundante financeiramente ou não.


E o que é o padrão de dinheiro? Para entender nós podemos comparar com o projeto de uma casa.


Suponhamos que eu possuo uma a ideia ou a imagem na minha mente da casa dos meus sonhos... Podemos preestabelecer um desenho, um projeto no papel para a construção da casa. Então, eu tenho na minha mente uma programação um projeto de como será a minha casa.


-Com o dinheiro acontece algo idêntico, a ideia e a imagem que trago na minha mente são às minhas programações ou o modo de ser predeterminado com relação a minha riqueza e prosperidade.


-Existem processos e caminhos que a nossa mente percorre que nos conduzem para a manifestação de prosperidade ou para a escassez!


A nossa mente segue algumas regras e essas regras programam o nosso SER, a nossa personalidade! E se a nossa mente é programada de forma negativa assim teremos os nossos resultados, e vice versa.


Vamos entender essas regras! - O entendimento é de extrema importância pois, determinam como criamos os resultados na nossa vida. -Nossa riqueza e a nossa realidade.


-Essas regras gurus, mestres e pessoas bem sucedidas do mundo afora entendem e se apoiam como base no aprendizado da manifestação. E, nós também podemos fazer uso dessas regras para manifestar qualquer coisa que desejamos na nossa vida. As regras a serem seguidas no processo de manifestação da nossa prosperidade e em tudo o mais que desejarmos.


O Processo de Manifestação tem o seguinte encadeamento:


- A nossa mente, o centro coronário, cria e emanam os Pensamentos que por sua vez conduzem energia emocional.


As emoções são plasmadas pelo centro energético cardíaco, que por sua vez, produzem e moldam os sentimentos. Os sentimentos conduzem a ações. E as ações geram os resultados.


Então podemos entender que o padrão financeiro da gente depende e é baseada nas ações e atitudes com a relação com as questões de dinheiro.

Como se forma então, o modelo da abundância e prosperidade? A resposta é simples. Ele dá início principalmente na informação ou programação que a gente recebeu no passado, lá na nossa infância; quando criança!


Quais foram às causas, a origem dessa programação, o que você guardou na sua memória inconsciente daquilo que você escutava, ouvia na infância e você processou como modelo? Olha para dentro de si!


Só para citar algumas referências que podem ter sido seus componentes também pois, para a maioria de nós isso perpassa por essas vias como: os pais, irmãos, amigos, professores, mídia, cultura, figuras de autoridade, líderes religiosos, etc...


Quanto à cultura sobre o dinheiro, sabemos que há uma diferença. Por exemplo: em relação ao dinheiro, - O Brasil paga um salário mensal enquanto nos EUA (Estados Unidos da América) paga-se por quanto se produz, nesse sentido entra a livre negociação!


-Não nascemos da vida intrauterina com os nossos conceitos formados em relação ao dinheiro, fomos ensinados a lidar com o dinheiro, adequadamente ou inadequadamente, mas fomos ensinados a pensar e agir no que diz respeito às finanças!


E isso vale para todas as pessoas. E essa educação financeira, essas instruções se transformaram em obediências inconsciente ao longo da nossa vida, são os condicionamentos que de forma automática reverberam respostas segundo os conceitos e crenças formadas desde a infância.


A menos, que buscamos ajuda e entendemos como os nossos conceitos foram processados e consigamos intervir e rever os arquivos de riqueza que temos programados na cabeça!


É exatamente isso o que você fará ao longo do treinamento do Método Colapso Milionário. Que venho ensinando à dezenas e dezenas de pessoas no treinamento.


Eu disse que pensamentos emanam sentimentos, sentimentos plasmam emoções e emoções as ações e ações conduzem a resultados. Nesse ponto surge uma pergunta interessante: de onde vêm os seus pensamentos? Por que você pensa de modo diferente das outras pessoas?

Os seus pensamentos têm origem nos arquivos de informação que você guarda nos compartimentos de armazenagem da sua mente. Mas de onde parte essa informação? Da sua programação passada!


É verdade, o seu condicionamento, a sua obediência inconsciente segundo as suas experiências de vida sobre dinheiro determinam todos os pensamentos que surgem na cabeça. É por isso que ele costuma ser chamado de mente condicionada. Treinada para pensar e agir conforme o seu padrão!

Para compreender e entender o Processo de Manifestação, você pode agora, se quiser ajustar o seu processo da seguinte maneira: lembre-se a sua programação mental te direciona aos seus pensamentos.


Os seus pensamentos emanam frequências vibracionais para o universo formando os seus sentimentos os seus sentimentos plasmam as emoções e as emoções por sua vez às suas ações. E as suas ações conduzem aos seus resultados.


Para colher outros frutos, maiores ou melhores se você não está satisfeito é necessário mudar as suas programações e o primeiro passo para as mudanças é por este caminho. O caminho é - Modificando as suas programações, as suas crenças e os seus conceitos!


Como acontecem esse padrão de comportamento, esses condicionamentos?


Esses condicionamentos e padrões que repetimos de forma precisa e fielmente se instalam através de três vias principais em todas as dimensões da nossa vida, principalmente no financeiro; através da audição, visão e as experiências que tivemos na infância.


Quais eram as expressões que você ouvia na infância, o que você ouvia? - Quais eram as atitudes e imagens que você via na infância? Que experiências você teve na infância? Essas são as principais vias que formam os nossos condicionamentos!


Fomos influenciados verbalmente com aquilo que ouvíamos dos nossos pais e educadores ou de pessoas de poder, essas influências ajudaram a formar os nossos condicionamentos, que poderíamos chamar de programações verbais.


Provavelmente você assim como eu lá na sua infância, ouvíamos frases a respeito do dinheiro do tipo: O dinheiro não deu que chega, não deu para comprar... - O dinheiro é a raiz de todo mal. Poupem para os dias difíceis de crise. - Os ricos são ambiciosos. - Os ricos são malvados. - Os ricos são desleais.


Você tem que dar duro para ganhar dinheiro. - Os ricos não entram no reino dos céus. “É mais fácil um camelo passar numa cabeça de agulho do que um rico entrar no reino do céu” - Folhas de arvore não é dinheiro. - Dinheiro não traz felicidade. - O dinheiro fala mais alto. - Os ricos ficam cada vez mais ricos e os pobres cada vez mais pobres...


Ser milionário não é para o nosso bico. - Nem todo mundo pode ser rico. Nunca se pode ter tudo. - Não temos dinheiro para isso.


Na minha infância alimentavam a nossa esperança de ganhar algo novo quando desse a safra ou no Natal e no passar da safra, queríamos um brinquedo ou uma roupa ou calçado novo e a mãe dizia que a safra não rendeu e que não deu dinheiro que chega, que era pra esperar a próxima safra.


Que ganhar dinheiro não é fácil requer trabalho duro. Os ricos podem e nós não podíamos.


Isso me deixava triste, não via mais esperança, sai muito cedo de casa em busca de fazer a minha vida acontecer. Mas a minha mente já estava condicionada a esses conceitos.


Estas são as questões de difícil solução. Todas as expressões que ouvimos sobre ter riqueza, e ser milionário quando era criança permanecem no nosso inconsciente como sendo referência que induzia os nossos conceitos sobre a nossa vida financeira.


A subordinação verbal tem um poder de influência muito grande. Tal como o caso em que no passado, no período da pré-adolescência, do meu filho, ele não me obedecia de jeito nenhum, isso quando ele tinha uns 12 anos mais ou menos, e eu não sabendo como conscientizá-lo de seguir as minhas ordens. - Eu disse: que um dia ele ia ter filhos aí ele ia ver como é e como a gente se sente quando o filho não escuta o que lhe foi dito.


Passarem-se uns vinte anos. Um dia chego na casa dele e ele sai com a mesma frase para com o seu filho de 2 aninhos, a frase que eu havia lhe dito na infância. Ele falou para o seu filho de dois aninhos que um dia ele ia ter filhos e ia ver como é se um filho não obedece às ordens de um pai. - Foi muito cômico, para a gente tomar consciência de que maneira acontecem os condicionados verbalmente. Daquilo que ouvimos!


Vivenciei outro caso só para citar da força do condicionamento verbal atreves de um aluno dos meus treinamentos Colapso Milionário. “Marcos” (nome fictício) ganhava o seu dinheiro com facilidade, a sua dificuldade era manter e ficar com o dinheiro ou aplicá-lo. - Passava um sufoco com as suas finanças cada mês. Marcos esbanjava o seu dinheiro com os seus amigos, emprestava e não recebia de volta, perdia em negócios mal feitos enfim investia mal o seu dinheiro. - Existisse a razão que houvesse, nunca tinha posse de nada.


Ele me falou que, quando criança, a mãe costumava dizer: “Os ricos são gananciosos”. Eles desfrutam do sacrífico e trabalho duro dos menos favorecidos. Não precisamos muito somente o bastante para viver. “Acumular e fazer sobrar são ganância e inveja”. Ricos não sabem aproveitar e não são felizes!


Não é obrigatoriamente necessário ser um Gênio para identificar o que se passava na mente inconsciente de Marcos. Era de se considerar, por que ele não conseguisse controlar a sua grana. Pois, contando que foi verbalmente condicionado pela mãe a admitir que os ricos eram ambiciosos. E que somente o necessário é o bastante para viver. - Que não somos merecedores de mais, consequentemente, a sua mente fazia a ponte das pessoas ricas e bem sucedidas à ganancia ilimitada e sem medidas, que é, obviamente, má...


Neste sentido criou um conceito de ser bonzinho, não pretendia ser ilegal e o seu inconsciente reverberava que não podia ser rico.


Marcos estimava e bem queria a sua mãe e não queria que a mãe o condenasse. Com certeza que, pelo programa de crenças dela, ele não teria a sua aprovação caso se tornasse rico. Deste modo, o mais correto para sua vivencia seria eliminar todo o dinheiro que ultrapassasse o que era puramente necessário para a sua manutenção. Caso contrário estaria sendo ambicioso demais.


Então o que seria mais conveniente para você? A aprovação da mãe ou de quem quer que seja ou possuir riqueza? Com toda certeza a maioria das pessoas escolheriam ser rica!


Escolhem ser ricos e é o que não acontece. Podem até tentar ser rico, mas, acontece que a mente condicionada e programada negativamente não permite prosperar. Pois, fomos condicionados a não ser ricos. É evidente que o dinheiro parece ser a escolha lógica. - E deveria ser.


No entanto, como é o nosso subconsciente que nos governa, nos impulsiona a optar entre a lógica e as emoções profundamente enraizadas, as emoções quase sempre vencem.


No treinamento Colapso Milionário em poucos minutos de treinamento, usando técnicas de hipnose, PNL, programação neolinguística que são treinamentos e recondicionamentos extremamente eficazes, você vai conseguiu mudar o seu conceito de dinheiro de maneira extraordinária.


Você vai começar a entender que essas crenças negativas não eram suas são da sua mãe, e tem a sua base na programação que ela recebeu no passado.


Nós mesmo, íamos bem nos negócios, mas nunca conquistávamos rios de dinheiro. Ao tomar consciência do modelo de dinheiro que possuía, lembrei-me de que, quando eu adolescente trabalhava de doméstica e do pouco que recebia e do quanto tive que trabalhar.


Agora que você já entende o poder do condicionamento verbal, consegue identificar por que, não era possível de acumular dinheiro. Eu estava literalmente programada para trabalhar e não ganhar dinheiro. - Por quê? Para validar subconscientemente o modelo de vida condicionada a dinheiro que reverberava na minha mente.


Tudo que precisamos fazer é uma limpeza na mente inconsciente, ir lá e arrancar as ervas daninha tremendamente tóxica do nosso “jardim financeiro” interno. E começar a colher os frutos. A partir do novo recondicionamento, passar a escolher negócios e trabalhos que trazem valores e conquistar a prosperidade e o sucesso tão almejado!


Parece incrível, mas, depois que você de fato compreende como o modelo de dinheiro funciona isso faz toda a diferença!


Vamos realmente tomar consciência de que o condicionamento do nosso subconsciente determina o nosso pensamento. O seu pensamento determina as suas decisões e estas determinam as suas ações, que, finalmente, determinam os seus frutos.


- O efeito da sua ação, os resultados!


São quatro os elementos-chave da mudança essenciais para a reprogramação do seu modelo de dinheiro. Eles são simples, porém muito poderosos.


- O primeiro elemento da mudança é a CONSCIENTIZAÇÃO. Você não pode reprogramar uma coisa se você ignora o que deve ser modificado, que aqui são os nossos condicionamentos, os nossos padrões inconscientes em relação ao dinheiro.


- O segundo elemento da mudança é o ENTENDIMENTO. “Tomando conhecimento da origem da sua maneira de pensar”, você será capaz de compreender e identificar o que vem de fora para dentro, que não são seus conceitos e não são suas crenças, apenas absorvemos dos outros, aquilo que não é nosso.


- O terceiro elemento da mudança é a DISSOCIAÇÃO. Ao identificar e tomar consciência que essa maneira de pensar não é seu, você tem a opção de mantê-lo ou largá-lo, apoiado em quem você é no momento atual e onde deseja estar amanhã.


Podemos observar essa maneira de pensar e vê-la como ela é, pois são apenas arquivos de informações armazenado na nossa mente há muito tempo, que talvez não tenha mais um pingo de verdade nem de valor para nós no momento atual pois, as coisas mudam muito rápido e agora o modo de pensar e sentir da infância não servem mais.


Fazer a desassociação. Desapegar soltar e criar um campo neutro para os antigos condicionamentos e criar novos conceitos em sua vida em relação a tudo que deseja modificar.


- O quarto elemento é o RECONDICIONAMENTO. É a reprogramação mental, de preferência no nível da mente inconsciente, que se consegue com técnicas de hipnose e PNL. Programação neurolinguística.


Alguns passos que você pode dar desde agora para começar a rever o seu modelo de dinheiro.


Reprogramar as programações verbais; que lhe foi dito como verdades a serem seguidos e que agora está lhe impedindo de ser quem você deseja ser...


Passos para a mudança: programação verbal


CONSCIENTIZAÇÃO – Escreva as expressões que você escutava sobre dinheiro, ser rico e pessoas milionárias lá na sua infância.


O ENTENDIMENTO – Escreva sobre como essas expressões vêm afetando e dificultando você a prosperar e ser bem sucedido na vida e que ainda hoje está tendo dificuldade.


DISSOCIAÇÃO – Você já notou que esses pensamentos representam apenas o seu aprendizado passado, que eles não são parte da sua constituição humana, não são quem você é? Consegue ver que o presente lhe dá a opção de ser diferente?


AGORA FAÇA UMA DECLARAÇÃO A VOCÊ COM PRÓPOSITO E AFINCO.


As expressões sobre dinheiro que eu ouvia não são propriamente verdadeiras. Eu escolho por adotar maneiras diferentes e positivas de pensar que contribuam para a minha felicidade e o meu sucesso.


Agora diga: Eu tenho uma mente milionária.


Abraços

Paz e Luz

Alice!


Profissional de Terapia Holística, Parapsicóloga Alice Follmann

Sou palestrante, parapsicóloga...

Sobre Alice Follmann
Receba atualizações

Você receberá um e-mail para confirmação!

Posts Destacados
Posts Recentes
Siga
  • Facebook Black Round
  • Twitter Black Round
  • YouTube - Black Circle
Procure pelos Tags
EbooK Gratuito Em busca da vida 4 Passos para superar a Depressão

© 2015 criado com Wix.com

Rua Marechal Castelo Branco, 98 - Missal /PR 

 

Todos os direitos reservados à Alice Follman - O Estudo da Mente