CAPTAR FENÔMENOS DE OUTRAS PESSOAS

27.06.2018

 

MÉDIUM E MEDIUNIDADE

Uma pessoa médium é aquela pessoa sensível que manifesta fenômenos que capta das energias das outras pessoas. Uma atração magnética.  É como se fosse um grande imã humano, capta da aura de alguém que já morreu mensagens que aquela pessoas emitiu antes de morrer. ...

Diante disso, a maioria das pessoas possui algum grau de sensitividade e mediunidade. Portanto, todos nós somos, mais ou menos, médiuns.

Quem não captou ainda uma energia, uma sensação um sentimento de alguém?

Mas o médium nato se refere propriamente a um intercâmbio entre os dois mundos. O mundo matéria e o mundo espiritual (astral), representando apenas uma faculdade em andamento para a verdadeira comunicação com os Espíritos.

Mediunidade é um estado natural da criatura, um dom, um avançado, um fruto maduro. O sensitivo é um fruto verde a caminho da maturidade, muitas vezes ingênuo.

Este é encontrado com mais facilidade, por não precisar de certas disciplinas e não aceitar as renúncias indispensáveis à notável aptidão natural mediúnica, com Jesus.

O sensitivo recebe as sensações através do corpo energético que se manifesta em todo o sistema nervoso.

 Isto faz com que os sentidos humanos sejam ampliados, de maneira a permitira percepção de certas coisas, chegando a sentir que existem Espíritos aqui, ali ou além.

Essa certeza nasce da alta sensibilidade de que é dotado pela energia cósmica. Muitos e muitos dos chamados médiuns estão nesse estágio, que não deixa de ser um caminho para o empenho grandioso da mediunidade caridosa.

 É fácil reconhecê-los pelas fracas interpretações das leis naturais e o pouco interesse pelo bem coletivo, pelo bem maior. Por isso muitos são tarjados como charlatões.

 Notam-se, na forma como se comunicam muitos dos sensitivos, que se dizem serem médiuns tem inclinações para a leviandade, respondendo a perguntas que não levam ao interesse elevado da vida, incentivando vícios e compactuando com difíceis processos primitivos, que visam a assegurar o bem-estar material dos indivíduos.

 Esquece-se completamente do amor e ajuda ao próximo,  do Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo, colocando a caridade sob uma visão muito pessoal.

Essa é a razão por que muitos estudiosos do psiquismo combatem a mediunidade, generalizando os fenômenos, sem estudarem com profundidade o despertar da alma, no intercâmbio com o espírito de que já partiu.

Mediunidade é um estado natural do ser humano, é maturidade, e junto a ela há sempre um compromisso firmado no mundo espiritual com os luminares da eternidade e com a própria consciência.

É a pessoa já preparada para os serviços da eternidade, conhecendo o caminho do céu, sabendo por onde pode pisar, com a sensação de estar cumprindo o seu dever do SER.

Existem animais sensitivos, mas nunca animais médiuns. Através desta analogia, poderemos compreender melhor o que foi dito acima.

Toda má interpretação à mediunidade real se faz por falta de conhecimento e recursos de análise e compreensão do fato mediúnico. Estudar um sensitivo é uma coisa, e estudar um médium é outra, diferente.

Quanto ao primeiro, é fácil detectar a fonte que o inspira, por estar próxima das coisas humanas. O segundo, porém, recebe influências que escapam aos sentidos físicos, por alcançarem outra dimensão de maiores valores espirituais, mais profundas, encontradas no campo energético.  

Quase que somente o médium é quem conhece o que é mediunidade e, mesmo com todo o recurso da palavra que ele possa dominar, ainda assim não expressa à realidade dessa faculdade transcendental, por ser de difícil explicação, só sabe e sente que perpassas por este estado.

Sensitivos, pelo que entendemos na compreensão da palavra, há milhões deles, por toda a parte, anunciando, pelo que fazem, mesmo de maneira primitiva, que existe a comunicação com os Espíritos e que a vida eterna é, pois, a alegria de todos nós.

No assunto que ora abordamos, vemos que todo médium é sensitivo, mas nem sempre os sensitivos são médiuns. Temos exemplos de decadência

Please reload

Profissional de Terapia Holística, Parapsicóloga Alice Follmann

Sou palestrante, parapsicóloga...

Sobre Alice Follmann
Receba atualizações

Você receberá um e-mail para confirmação!

Posts Destacados

COMPREENDA OS 4 ELEMENTOS DA MUDANÇA COM INTENÇÃO DE REPROGRAMAR PARA O PROPÓSITO DE PROSPERIDADE: - O que você escutava quando criança?

25.09.2020

1/3
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Siga
  • Facebook Black Round
  • Twitter Black Round
  • YouTube - Black Circle
Procure pelos Tags
Please reload

EbooK Gratuito Em busca da vida 4 Passos para superar a Depressão

© 2015 criado com Wix.com

Rua Marechal Castelo Branco, 98 - Missal /PR 

 

Todos os direitos reservados à Alice Follman - O Estudo da Mente